QUEM SOMOS

NOSSA HISTÓRIA

25 anos de pioneirismo, empreendedorismo e de credibilidade

A Food Design tem uma história de 25 anos de pioneirismo, empreendedorismo e de elevada credibilidade no mercado graças à persistente busca de excelência.

COMO COMEÇOU? COM UM SONHO...E UMA HISTÓRIA DE SUPERAÇÃO

Dra Ellen Lopes conta aqui como começou e como evoluiu essa história:
"Assim como muita gente nessa vida, eu sempre sonhei com um mundo melhor. Trabalhara durante 14 anos na indústria de alimentos, dez dos quais na Nestlé, e quatro na Kibon com desenvolvimento de produtos. Boa parte desse tempo era empregado prestando assistência a fornecedores, para que atingissem o nível de qualidade e segurança de alimentos requeridos por essas exigentes empresas. A "régua"era bem alta para o nível em que se encontravam os fornecedores na época. Com essa assistência eu aprendi muito sobre diversas tecnologias, especialmente na Nestlé, onde eu contava com um gigantesco suporte da matriz suíça".

"Era 1992. Nesse ano eu passei um dos momentos mais difíceis de minha vida. Estava super feliz fazendo um curso de alemão na Alemanha, quando tive um problema de saúde grave e quase morri... "só doía quando eu respirava"....quando o médico me falou que eu corria risco de morrer a qualquer momento, decidi que, no que dependesse de mim, eu reuniria forças e sairia, viva, recuperada, e até melhor do que antes".

"Curioso que, apesar do momento dramático, assim como numa verdadeira epifania, naquele momento olhei para trás e repentinamente percebi que o que eu estava fazendo na indústria me parecia muito pouco, e me pareceu que eu estava esquecendo do meu sonho maior de melhorar o mundo. Esse sonho era muito forte quando mais jovem, mas parecia estar sendo esquecido... ao mesmo tempo ficou claro onde eu tinha me perdido nesse sonho: querer melhorar o mundo era obviamente um sonho grande demais... mas nesse momento enxerguei que eu poderia me impor uma missão de levar o conhecimento que eu adquirira, para muito além das fronteiras da Nestlé e Kibon: senti que eu TINHA de ajudar outras empresas de alimentos a melhorarem a qualidade. Com essa missão, percebi que eu poderia contribuir com a melhoria do mundo sem a pretensão de fazer um grande feito, mas através de uma pequena contribuição: através das empresas, eu estaria ajudando as pessoas, e melhorando a segurança de alimentos, eu estaria ajudando a melhorar a saúde das pessoas, evitando que elas adoeçam. Eureka!!!".}

"Depois de 8 meses de recuperação, e não sem algum sofrimento, que por alguma razão nem foi tão difícil suportar, criei então coragem para traçar meu caminho fora da indústria. Mas no princípio eu não sabia bem por onde começar. Comecei a fazer pequenas consultorias, como autônoma, ora na área de desenvolvimento de produtos, ora na área da qualidade, ora na área da segurança de alimentos. Em paralelo comecei a fazer cursos na Fundação Vanzolini para me aprofundar na área da qualidade e produtividade. Devorei livros e livros do Professor Falconi na área da Qualidade Total, Deming, Ishikawa, Akio Morita etc. Aí ocorreu que um interessado no meu trabalho, fez-me uma crítica decisiva: "adorei seu currículo, mas não vou te contratar. Eu preciso de alguém que tenha uma equipe, pois se você quebrar a perna, o projeto vai ter de parar". Uau! Nunca tinha pensado nisso - foi aí que decidi abrir uma empresa".

"Trocando ideias com um Professor da Vanzolini que tinha uma empresa de consultoria, ele me explicou que no início seria bem difícil: eu iria pagar para trabalhar! Ui,ui,ui! Essa eu não esperava... Decidi dar ouvidos a ele e, para enfrentar eventual dificuldade financeira, vendi o título do Clube Paineiras do Morumbi e baixei meu nível de gastos. Conversando com esse Professor, me dei também conta de que eu não entendia nada de economia, finanças, nem de administração. Como eu me formei na USP, na ocasião, a FEA - Faculdade de Economia e Administração da USP fornecia gratuitamente um curso básico nessa área para ex-alunos da USP. Foi um curso maravilhoso, e bastante robusto! Descobri um mundo que eu pensava que conhecia, mas que de fato vi que eu não conhecia: a realidade de como o dinheiro é produzido e de como deveria ser gerido...como era o desafio dos múltiplos impostos em cascata e outros "drenos" que se abrem até que você finalmente possa - se você de fato conseguir gerar lucro - colocar a mão no dinheiro".

"Aí em abril de 1993 "abri" a Food Design Consultoria. No quintal do apartamento...rsrsrsrs. Como não tinha quintal, foi no apartamento mesmo. Putz (gíria da época)! Comecei me achar uma grande empreendedora... Mas em pouco tempo descobri que abrir empresa não era saber empreender. Procurei ajuda no SEBRAE e lá descobri o programa EMPRETEC, que não só me ajudou, como acabei sendo instrutora desse programa sensacional por algum tempo".

"Pouco a pouco a Food Design cresceu. Devagar e sempre, pois nosso objetivo não é crescer por crescer, e sim fornecer serviços com alto padrão de qualidade, buscando excelência e com melhoria contínua. E assim já se foram 25 nos... de muito aprendizado, de muitos desafios...mas uma coisa é certa: isso só aconteceu porque o sonho que começou comigo sonhando sozinha, vem se tornando realidade ao longo dessa jornada, graças à adesão de mais pessoas com o mesmo sonho, e assim concretizando a existência de uma empresa que é uma referência no mercado. Obrigada a todos vocês que se empenharam em ser também sonhadores do mundo melhor através do trabalho com alimentos!!!

NOSSO MODELO DE VANGUARDA

A Food Design é uma empresa de vanguarda: temos uma modelagem inovadora de negócio, pouco usual na nossa área. Dependendo do resultado e dedicação, nossos colaboradores são convidados a participar efetivamente da sociedade como sócios, fazendo assim jus a participar do resultado final que juntos criamos, bem como podendo assim criar um caminho para a continuidade da empresa no futuro. Assim é que nossa sócia Márcia Donatelli, e Cláudio Iorio já são nossos sócios efetivos, ela há mais de dezessete anos, e ele há oito anos, após ela ter sido CLTista, e ele prestador de serviço PJ.
Outra novidade em modelo de negócio é o "co-business", adotado na área de Assuntos Regulatórios: modelo colaborativo com filosofia e gestão Food Design que permitiu agregar uma jovem sócia empreendedora, a Aline Nakele, apaixonada por assunto regulatórios, com o trabalho hiper sênior e especializado do Dr. Emerson Gonçalez.

NOSSOS FUNDAMENTOS

Nossa filosofia está pautada na Qualidade Total, com busca equilibrada da satisfação do cliente externo, interno fornecedores, acionistas, sociedade e na humanidade, quando pensamos e atuamos na sustentabilidade. Nosso diferencial é o trabalho altamente personalizado, com garantia da qualidade. Nossa política da qualidade é orientada pela busca da excelência e melhoria contínua. Nossa equipe é multidisciplinar, orientada por profissionais de elevada senioridade e competência. Nosso lema é agregar valor ao cliente, com respeito a sua realidade, com melhoria contínua e visão integrada. Nossa visão é holística, ampliando-se desde a qualidade do produto em si, até a relação da empresa com seus colaboradores e com o meio ambiente.

NOSSOS VALORES – ACREDITAMOS:

• que o cliente é o centro do nosso negócio
• no valor de uma sociedade compartilhada, na qual os colaboradores podem por mérito e competência chegar a participar como sócios, para juntos co-criarmos o presente e o futuro
• ser uma empresa cidadã, sem discriminação de raça, gênero, idade ou religião
• que devemos praticar a responsabilidade social num sentido amplo, tendo a cadeia de alimentos como campo de atuação e o mundo como palco
• que somos "operários do conhecimento e escravos da técnica e ciência".
• que somos e gostamos de ser "eternos aprendizes"
• que o melhor de nosso esforço e de conhecimento é a base de nossas ações
• que a atualização e estudo contínuo das tendências da área é parte do nosso negócio.

NOSSA POLÍTICA DA QUALIDADE

"Buscar a satisfação dos clientes, atendendo suas necessidades e expectativas, orientando-se sempre, de forma equilibrada, pela melhoria contínua, e pela busca da excelência".